Baião de Dois

Titãs

Compositor: Paulo Miklos

O mundo é um moinho
A vida é um buraco
O mundo é um menino
A vida é um velhaco
Pobre menino
Velho endinheirado
E eu com isso?
Vão todos pro diabo

Mundo pequeno
Vida curta
Combinaram no dia de São Nunca
Ele cianureto
Ela cicuta
Brindaram o momento
Dois filhos de uma puta

É só isso esse baião
E não tem mais nada não
Nem baião nenhum nem dois
Não tem nada pra depois

O mundo me condena
A vida me ultrapassa
Corre solta
Vira fumaça
Gira em falso
Morre e acaba
Vai pra casa do caralho
Coisa mais sem graça

©2003- 2017 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital